Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade
1 2 3 4 5

Tarde de autógrafos neste domingo com Sofia Nunes em Caruaru



Sofia Nunes, a caruaruense que brilhou na última fase de audições do programa The Voice Kids, participará de uma tarde de autógrafos, neste domingo (19), no Shopping Difusora. O encontro vai acontecer no palco do Difusora na Folia, que foi instalado no primeiro piso do mall. Será a partir das 16h30.

Fonte: Assessoria
Ler Mais

Grávidas do Bolsa Família receberão repelentes com mais de uma ano de atraso


A distribuição de repelentes para gestantes beneficiárias do Bolsa Família deve começar em março, mais de um ano depois do que havia sido prometido pelo Ministério da Saúde. A partir do dia 24, a empresa vencedora de um pregão promovido pela Ministério da Saúde deve entregar aos Estados as primeiras remessas do produto, considerado uma ferramenta importante para a prevenção da síndrome congênita provocada pelo zika.

Se confirmado o cronograma estabelecido pelo governo, os repelentes vão chegar em meio ao aumento de casos de doenças relacionadas ao Aedes aegypti. É justamente no verão que a incidência de dengue, chikungunya e zika se eleva. Além da zika, o temor é que este ano haja um aumento expressivo de casos de chikungunya, que pode provocar também doenças graves no bebê. Para especialistas ouvidos pela reportagem, o ideal seria que o produto começasse a ser distribuído logo no início do verão.

O primeiro anúncio de que o governo faria a distribuição de repelentes como forma de se tentar conter o avanço da microcefalia provocada pelo zika foi feito em dezembro de 2015. O então ministro Marcelo Castro afirmara que a medida seria estendida a todas as gestantes. Um mês depois da declaração, o alcance da estratégia foi reduzido para o grupo de grávidas atendidas pelo Bolsa Família e o prazo para o cumprimento da medida, adiado várias vezes.

A primeira data prevista para o cumprimento da promessa era fevereiro de 2016. Na época, o País registrava a marca de 508 bebês com confirmação de microcefalia e outros 3.935 casos em investigação. De lá para cá, houve uma troca de ministros da Saúde e um aumento significativo da doença. No último boletim sobre a má-formação, com dados até 31 de dezembro de 2016, os casos confirmados haviam saltado para 2.366. Havia ainda outros 3.183 investigados.

A distribuição de repelentes para gestantes beneficiárias do Bolsa Família é considerada importante sobretudo em razão do perfil das mães de bebês com síndrome congênita de zika. Uma análise feita pelo Ministério da Saúde, no ano passado mostrava que a taxa de prevalência de bebês com microcefalia era maior entre mães na faixa etária até 24 anos, de cor negra e com até sete anos de escolaridade.

A estimativa do Ministério de Desenvolvimento Social e Agrário é de que a estratégia de distribuição de repelentes contemple 484 mil gestantes, o mesmo número de mulheres grávidas atendidas pelo benefício em 2016. “Esse indicador é constante, daí nossa previsão”, afirmou o secretário executivo do MDSA, Alberto Beltrame.

A entrega no dia 24 nos Estados, no entanto, é apenas o primeiro passo até a chegada do produto nas mãos das beneficiárias. Dos armazéns estaduais, os repelentes precisam ser levados às prefeituras que, por sua vez, vão decidir a melhor forma de distribuição.

Em alguns casos, ela poderá ser feita no posto de saúde onde a mulher faz o pré-natal. Em outros, nos centros de referência de assistência social. “A decisão será norteada conforme o entendimento local”, disse Beltrame.

O governo estima que o produto comece a ser entregue às mulheres grávidas da Bolsa Família a partir de março. Beltrame observou, no entanto, que esse cronograma poderá sofrer alterações, caso haja algum atraso da empresa fornecedora. Pelo contrato, serão feitas sete entregas. A última deve ocorrer em até 300 dias depois da assinatura do acordo.

De acordo com Beltrame, Estados já foram informados sobre o quantitativo que irão receber, para que possam organizar a logística de distribuição. “Em nível local, uma relação de gestantes do Bolsa-Família será cruzada com a relação das gestantes em pré-natal, definindo desta forma o público alvo”, disse.

Inicialmente, disse o secretário-executivo, havia uma discussão entre o governo se a distribuição deveria ser feita nos postos de saúde ou nos centros de atendimento social. O Ministério da Saúde defendia que a entrega fosse feita nos Centros de Referência de Assistência Social. O argumento era a de que a clientela atendida pelo benefício seria apenas gestantes do Bolsa Família e o Sistema Único de Saúde, por definição, é universal.

O pré-natal, por outro lado, é feito nas unidades de saúde. A alternativa encontrada foi deixar a decisão a critério das prefeituras. “Elas têm sob seu comando tanto a Secretaria Municipal de Saúde quanto a de Assistência Social, além de conhecer, como ninguém, a realidade local”, disse Beltrame.

Fonte: Agência PE4 com informações do Estadão Conteúdo

Ler Mais

Saque de recursos das contas inativas do FGTS vai começar no dia 10 de março


O calendário para o saque dos saldos das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) deve começar na sexta-feira, dia 10 de março. Para orientar os 10,1 milhões de brasileiros que têm direito à retirada, a Caixa Econômica Federal vai abrir aos sábados, a partir do dia 18 deste mês. A ordem dos saques deve ser baseada no mês de aniversário do trabalhador e será anunciada hoje pelo presidente Michel Temer, em evento no Palácio do Planalto.

Pelo último desenho do calendário, quem nasceu em janeiro e fevereiro, poderá sacar os recursos a partir de 10 de março; quem nasceu em março, abril e maio, poderá sacar a partir de abril; os que fazem aniversário em junho, julho e agosto, a partir de maio; os aniversariantes de setembro, outubro e novembro, a partir de junho; e os que nasceram em dezembro, em julho.

O banco decidiu deixar apenas os aniversariantes de dezembro para receber em julho porque será possível a todos os cotistas retirar o dinheiro a partir da data estipulada no calendário até 31 de julho. Ou seja: quem nasceu em janeiro, por exemplo, poderá sacar o dinheiro de 10 de março até 31 de julho.

A Caixa vai abrir durante cinco horas a partir do próximo sábado para orientar os trabalhadores sobre como devem proceder para retirar o dinheiro das contas inativas, aquelas vinculadas a contrato de trabalho já extinto. Uma única pessoa pode ter várias contas do FGTS, uma para cada trabalho com carteira assinada, e cada conta é encerrada quando o respectivo contrato é finalizado.

Normalmente, existe saldo de contas inativas de pessoas que pediram demissão e não sacaram o dinheiro, para utilizar, por exemplo, no financiamento à casa própria. A retirada poderá ser feita apenas das contas inativas com data de desligamento do empregado até 31 de dezembro de 2015. Quem pediu demissão depois disso não poderá efetuar o saque - a não ser que tenha outros contratos encerrados em anos anteriores.

Para quem tem até R$ 3 mil em contas inativas, a Caixa vai orientar a fazer o "cartão cidadão" para retirar o dinheiro diretamente do terminal de autoatendimento. Para isso, é necessário estar cadastrado no PIS/Pasep e ter o Número da Inscrição Social (NIS). Os atendentes vão explicar onde fazer a inscrição e como retirar esse cartão. Quem recebe o Bolsa Família não precisa do cartão cidadão, pois o cartão que recebe o benefício também pode realizar operações do FGTS.

Quem tem mais de R$ 3 mil nas contas inativas precisará sacar o dinheiro na fila do atendimento. Os clientes da Caixa que possuem poupança terão o dinheiro do FGTS diretamente transferido para a caderneta - quem tem apenas conta corrente no banco terá de autorizar a transferência do dinheiro.

A Caixa divulgará um site específico no qual será possível consultar quem tem direito ao saque, qual o valor e a data de pagamento. A ideia é evitar uma corrida desnecessária às agências.

Impacto

De acordo com dados oficiais, há 18,6 milhões de contas inativas há mais de um ano, com saldo total de R$ 41 bilhões. O governo estima que os saques das contas inativas do FGTS vão injetar R$ 35 bilhões na economia.

O banco Santander é mais otimista e prevê que valor próximo de 100% das contas inativas será sacado pelos trabalhadores, e boa parte desse dinheiro reforçará o consumo das famílias nos próximos meses, o que deve gerar um impacto positivo no crescimento da economia de até 0,40 ponto porcentual.

Para os defensores da ideia, os saques não vão causar impacto significativo no saldo do FGTS, de R$ 380 bilhões. Mas o setor da construção criticou a liberação do saldo total das contas inativas. O argumento do presidente Michel Temer foi de que 86% das contas têm saldo inferior a R$ 880 (salário mínimo de 2016).

Confira as datas

Nascidos em Janeiro e fevereiro - sacam em março

Nascidos em março, abril e maio - sacam em abril

Nascidos em junho, julho e agosto - sacam em maio

Nascidos em setembro, outubro, novembro e dezembro - sacam em junho

Fonte: Agência Brasil


Ler Mais

Senado aprova reforma do Ensino Médio e projeto vai à sanção

 
O Senado Federal aprovou, na noite desta quarta-feira, 8, a medida provisória que reforma o Ensino Médio. Como o texto já havia passado pela Câmara, agora ele segue para sanção presidencial. O projeto flexibiliza a carga horária, permitindo que o estudante escolha parte das matérias que irá cursar durante o Ensino Médio. A proposta é a primeira reforma do governo Temer a ser aprovada no Congresso.

De acordo com o ministro da Educação, Mendonça Filho, o objetivo do governo é aprovar primeiramente a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), para somente depois começar a implementar a reforma, gradualmente, a partir de 2018.

Mendonça acredita que a reforma deve ajudar a conter a evasão estudantil e estimular a ampliação do ensino em tempo integral. "Se falando de educação básica, certamente é a mudança estrutural mais relevante das últimas décadas. A reforma cria ainda um estímulo e apoio ao programa de ampliação do modelo de escola em tempo integral", disse.

A oposição, entretanto, questionou aspectos da reforma que, segundo ela, podem fragilizar o sistema de ensino. Os senadores do PT apresentaram dois destaques para modificar o texto: um para garantir que todas as áreas do conhecimento fossem ofertadas nas escolas, permitindo que, de fato, o aluno tenha acesso a todas as matérias; outro para impedir que profissionais com "notório saber" possam substituir professores. Nenhum dos destaques foi aprovado.

"A medida provisória, no nosso entendimento, significa um golpe contra os destinos de milhões de jovens da educação deste País, porque ela não só não vem na direção de melhorar o ensino médio, de enfrentar os problemas de caráter estruturante que o ensino médio apresenta, mas vai contribuir para reforçar ainda mais as desigualdades regionais e sociais, já tão gritantes em nosso país", lamentou a senadora Fátima Bezerra (PT-RN), militante das causas da educação.

O texto aprovado divide o conteúdo do ensino médio em duas partes: 60% para disciplinas comuns a todos, a serem definidas pela Base Nacional Comum Curricular (BNCC), e 40% para que o aluno aprofunde seus conhecimentos em uma área de interesse, entre as opções Linguagens, Matemática, Ciências Humanas, Ciências da Natureza e Ensino Profissional. Originalmente, na MP o governo federal defendeu uma divisão 50% a 50%.

Outro pilar da medida provisória é ampliar a oferta de turno integral de 800 horas para 1,4 mil horas anuais, mediante financiamento da União junto aos Estados e ao Distrito Federal durante dez anos.

As disciplinas de Filosofia, Sociologia, Educação Física e Artes funcionarão como matérias "optativas". As escolas serão obrigadas a oferecer as matérias, mas ficará a cargo do aluno escolher estudar as disciplinas ou não.

O QUE MUDA

Grade Curricular

Hoje: 13 disciplinas obrigatórias ao longo dos 3 anos.

Reforma: A cada ano, 60% da carga horária para a Base Nacional Comum Curricular e 40% para itinerários formativos.

Professores

Hoje: Somente docentes que fizeram cursos de formação de professores podem lecionar.

Reforma: docentes de "notório saber" para o ensino técnico e profissional; profissionais graduados em outras áreas, mediante cursos curtos de formação pedagógica; professores formados não só em universidades e institutos superiores, mas também em "faculdades isoladas".

Artes, Educação Física, Filosofia e Sociologia

Hoje: Obrigatórias nos 3 anos.

Reforma: A oferta é obrigatória, porém caberá ao aluno cursar as disciplinas

Divisão do ensino médio

Hoje: Em três anos.

Reforma: Percursos formativos são divididos em módulos e, especificamente no ensino técnico, há a possibilidade de conceder certificados intermediários.

Fonte: Agência Senado
Ler Mais

TRE-RJ cassa mandato do governador Pezão e de seu vice

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ) cassou, na sessão deta quarta-feira (8), os mandatos do governador, Luiz Fernando de Souza Pezão, e do vice-governador, Francisco Dornelles. De acordo com o tribunal, a cassação foi resultado de abuso de poder econômico e político, e por isso, os dois estão inelegíveis por oito anos. Ainda cabe recurso ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Com a decisão, de acordo com o TRE-RJ, devem ser realizadas eleições diretas para a escolha dos representantes do Executivo estadual. O tribunal alertou que a decisão, no entanto, “somente produz efeito após o trânsito em julgado, ou seja, quando não cabe mais recurso, de acordo com o artigo 257, parágrafo 2º, do Código Eleitoral”. Por isso, Pezão e Dornelles permanecem no cargo até que o recurso seja julgado.

O governo do estado do Rio de Janeiro informou, por meio de nota, que quando for publicada a decisão do TRE, o governador Pezão e o vice Dornelles vão entrar com recurso no TSE.

Também segundo o TRE-RJ, o abuso de poder econômico e político “ficou configurado uma vez que o governo do estado do Rio de Janeiro concedeu benefícios financeiros a empresas como contrapartida a posteriores doações para a campanha do então candidato Pezão e de seu vice”. Para o desembargador eleitoral Marco Couto, “restou comprovado que contratos administrativos milionários foram celebrados em troca de doação de campanha”, conforme apontou em seu voto.
 Fonte: Agência PE4
Ler Mais

Bandidos assaltam carro forte e matam segurança em Caruaru


Um assalto a carro forte aconteceu por volta das 18:40h da noite nesta terça-feira (07), na Avenida Manoel de Freitas, que fica localizada entre as Avenidas Agamenon Magalhães e Rio Branco, principais vias de Caruaru.

Segundo informações do segurança, Amauri, de 27 anos, que estava no carro forte, mais de 5 homens fortemente armados com fuzis, pistolas e metralhadoras, rederam os segurança na saída do banco, pedindo pra que os seguranças soltassem os malotes e armas no chão.

Porém, o segurança Fernando Francisco de Farias, “FIEL”, de 28 anos, que estava no veiculo ao soltar o malote tentou correr, quando foi alvejado por tiros, vindo a morrer ao lado da sede do Tribunal de Justiça.



Uma equipe do Samu esteve no local, porém o segurança já estava sem vida.


Na fuga os bandidos jogaram vários grampos, no inicio da Avenida Agamenon Magalhães. Até o momento nenhum suspeito foi identificado nem preso pela policia.
Ler Mais

Caixa Econômica Federal lança PDV para até 10 mil funcionários

 
 
A Caixa Econômica Federal iniciou um programa de demissão voluntária para até 10 mil funcionários, de acordo com o presidente do banco, Gilberto Occhi.

Se houver adesão completa, de acordo com ele, a economia da instituição pode chegar a R$ 1,8 bilhão em 2018.

O público elegível, segundo ele, é de cerca de 30 mil funcionários. De acordo com ele, os funcionários que se enquadrarem nos requisitos poderão fazer a inscrição a partir desta terça-feira (7).

"O PDV terá boa atratividade e a partir de amanhã [terça] os empregados da Caixa que estão entre os elegíveis, com mínimo de 15 anos na Caixa, terão opção de aderir", afirmou após evento no Palácio do Planalto.
Ler Mais

Caixas eletrônicos são explodidos em Porto de Galinhas por grupo fortemente armado

 
Mais de 15 homens fortemente armados explodiram as agências do Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal de Porto de Galinhas, no município de Ipojuca, na Região Metropolitana do Recife, na madrugada desta sexta-feira (3), por volta da 1h30. Além das explosões, a quadrilha realizou 40 minutos de disparos para intimidar os moradores e a polícia.

Os disparos atingiram a delegacia da Polícia Civil, viaturas policiais, além de residências, estabelecimentos comerciais e veículos particulares. Ninguém ficou ferido. Ao todo, 11 boxes da Feira de Artesanato foram destruídos pelas chamas da explosão. Os comerciantes do local ficaram abalados, já que perderam todos os trabalhos que ficavam expostos para venda.

Segundo o perito Heldo Souza, do Instituto de Criminalística, mais de 50 munições deflagradas foram encontradas pelo município. "Eles estavam fortemente armados. Foram encontradas mais de 50 cápsulas, além de fragmentos de sangue e um segmento de ferro que foi utilizado para arrombar as agências", comentou.

Ainda segundo o perito, na fuga, dois veículos - picapes S10 - foram deixados no local. Os carros foram incendiados. "Os carros foram destruídos e as placas queimadas, mas estamos realizando uma pericia minuciosa para colher materiais importantes", comentou. Os criminosos fugiram com malotes de dinheiro e espalharam grampos na rodovia PE-90. A Polícia Federal foi acionada ao local. Até o momento, ninguém foi preso.
 
 

Segundo o chefe de comunicação social da Polícia Federal, Giovani Santoro, a agência da Caixa Econômica Federal havia sido abastecida na última quinta-feira (2). "Eles levaram o dinheiro do cofre, mas não destruíram os terminais. Imagens da agência registraram a ação criminosa. Estamos muito perto da identificação de todos os criminosos", revelou Giovani, que informou que peritos da PF também foram acionados ao local.

Moradores de Porto de Galinhas relataram os minutos de pânico que viveram durante a investida criminosa. "Foram 45 minutos de tiros e explosões. Só tinha visto isso em filme. Graças a Deus, ninguém se feriu. Eu passei 30 minutos deitado no chão próximo ao fogo cruzado. Os disparos atingiram várias casas", comentou o surfista Júnior Lagosta. Fotos enviadas por leitores da Folha mostram a comunidade com baldes de água apagando as chamas na agência do Banco do Brasil.
 
 

Em nota, o Corpo de Bombeiros informou que foram deslocadas viaturas ao local por volta das 2h30. A corporação combateu o incêndio na rua Beijupirá e nas duas agências bancárias. Ainda segundo os bombeiros, foram encontrados diversos grampos na rodovia e houve apenas danos materiais. 
 
Fonte: Agência PE4 com informações da Folha PE 
 
 
 
Ler Mais

Marisa Letícia morre em São Paulo após AVC


A ex-primeira-dama e mulher do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, dona Marisa Letícia Lula da Silva, 66, teve morte cerebral na manhã desta quinta-feira (2) em razão de complicações causadas por um AVC (Acidente Vascular Cerebral) hemorrágico.

Segundo informações do hospital, foi dada entrada em procedimentos para a doação dos órgãos.

Ela estava internada em estado grave no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, desde 24 de janeiro, mas o quadro acabou se agravando na tarde desta quarta (1º), com a redução da atividade cerebral.

Na terça (31), em razão de uma considerável melhora apresentada pela ex-primeira-dama, os médicos chegaram a retirar os sedativos que a mantinham em coma induzido, mas ela não teria reagido bem, voltando a ser sedada.

Além do filho de seu primeiro casamento, Marcos, adotado por Lula, Marisa deixa os filhos Fábio, Sandro, Luís Cláudio, a enteada Lurian (filha do ex-presidente com uma ex-namorada), e o marido, Luiz Inácio Lula da Silva. Os dois foram casados por 43 anos.



 Origem humilde

Filha de agricultores de ascendência italiana, Marisa nasceu em uma casa de pau-a-pique, no bairro dos Casa, sobrenome de seu avô, que tinha um sítio no interior de São Bernardo do Campo, no ABC paulista.


  Lula e Dona Marisa no anos 70


Ainda criança, mudou com a família para o centro da cidade e aos 13 anos passou a trabalhar embalando bombons Alpino na fábrica de chocolates Dulcora. Aos nove, havia sido babá das sobrinhas do pintor Candido Portinari.

Deixou o emprego para casar, aos 19 anos. Seis meses depois, o marido, taxista, foi assassinado a tiros em uma tentativa de assalto, deixando a jovem viúva grávida de quatro meses do seu primeiro filho, Marcos.

Ela conheceu Lula, também viúvo, em 1973, no Sindicato dos Metalúrgicos da cidade. Ele trabalhava no Serviço de Assistência Social do sindicato quando Marisa foi buscar um carimbo para recolher a sua pensão como viúva. Os dois começaram a namorar e casaram-se menos de um ano depois.

Marisa acompanhou Lula desde o início de sua vida política, durante as greves de operários no ABC paulista no fim dos anos 1970 – ele tornou-se presidente do sindicato um ano depois do casamento, em 1975.

Ela foi a responsável por costurar a primeira bandeira do Partido dos Trabalhadores. "Eu tinha um tecido vermelho, italiano, um recorte guardado há muito tempo. Costurei a estrela branca no fundo vermelho. Ficou lindo." Na época, estampava camisetas com a estrela símbolo da sigla para arrecadar fundos para o partido e chegou a cadastrar as pessoas na rua, buscando convencê-las da importância de montar um partido dos trabalhadores.

Em 1980, em plena ditadura, quando Lula e diversos sindicalistas foram detidos no Dops (Departamento de Ordem Política e Social) devido às greves, liderou uma marcha só com mulheres em protesto pelas prisões políticas. "Hoje parece loucura. Fizemos uma passeata das mulheres em 1980, quando os dirigentes sindicais estavam presos. Encheu de polícia.

Os homens queriam dar apoio, mas dissemos não. Fizemos só com as mulheres, eu de mãos dadas com meus filhos à frente", lembra em entrevista à Fundação Perseu Abramo, em 2002.

Em 1º de janeiro de 2003, tornou-se primeira-dama após o marido concorrer à Presidência quatro vezes, em 1989, 1994 e 1998.  Passou a aparecer mais em palanques ao lado de Lula durante a campanha de 2002.

Junto com o crescimento do PT, Marisa passou por um processo de mudança, sob a orientação do publicitário Duda Mendonça. Ganhou um guarda-roupa novo, em que terninhos ganharam espaço, e um corte de cabelo mais curto.

Enquanto ocupou o Palácio da Alvorada, adotou um comportamento discreto. Uma vez ao ano, organizava festas juninas na Granja do Torto, de propriedade da Presidência, quando participava das danças de quadrilha ao lado do ex-presidente.

Causou polêmica ao ordenar que fossem plantados canteiros de flores vermelhas, em formato de estrela, nos jardins do Palácio da Alvorada e da Granja do Torto.

Nascida Marisa Letícia Casa, assumiu o sobrenome Silva ao se casar com Lula. Quando o ex-presidente incorporou o apelido a sua assinatura, passou também a assinar Marisa Letícia Lula da Silva. Para o ex-presidente, no entanto, a mulher era apenas "galega", apelido pelo qual a chamava desde que começaram a namorar, nos anos 1970.

Costumava dizer que foi pai e mãe dos filhos, a quem se dedicou enquanto o marido avançava na vida pública. Cuidava sozinha do apartamento em que a família vivia em São Bernardo.

"É ela quem manda. E ele obedece. Dona Marisa se dedica a Lula e à família inteira. É o alicerce de Lula", definiu o cardiologista e amigo da família, Roberto Kalil, médico de Lula há 30 anos, em entrevista ao jornal O Globo em 2011, quando o ex-presidente teve a cabeça raspada pela mulher durante o tratamento de câncer contra a laringe a que se submeteu.
Lava Jato

Dona Marisa era ré em uma ação penal, junto com o marido, na Operação Lava Jato. Eles respondem pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro em contratos firmados entre a Petrobras e a Odebrecht.

Segundo o Ministério Público, Lula recebeu propina da empreiteira Odebrecht por intermédio do ex-ministro da Fazenda Antonio Palocci, que também virou réu na ação, ao lado do empreiteiro Marcelo Odebrecht, e outras cinco pessoas.

De acordo com a investigação, o dinheiro foi usado para comprar um terreno, que seria usado para a construção de uma sede do Instituto Lula (R$ 12,4 milhões), e um apartamento em frente ao que mora em São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo (R$ 504 mil).

A defesa de Lula informou que o ex-presidente aluga o apartamento vizinho ao seu. Além disso, acrescentou que o Instituto Lula funciona no mesmo local há anos e que o petista nunca foi proprietário do terreno em questão.

Segundo os advogados do ex-presidente, a transação seria um "delírio acusatório".

Fonte: Agência PE4 com informações do UOL


Ler Mais

Raquel Lyra apresenta propostas para melhorar segurança em Caruaru

 
A prefeita de Caruaru Raquel Lyra foi ao Recife, na manhã desta terça-feira (31), para apresentar ao secretário estadual de Defesa Social, Ângelo Gioia oito itens que podem melhorar a situação da segurança na Capital do Agreste. Entre as demandas, a necessidade do 4º Batalhão exclusivo para o município e a extensão das atividades da Delegacia da Mulher para 24 horas diárias e nos finais de semana. 
 
A prefeita, que foi acompanhada do secretário municipal de Ordem Pública, Coronel Luís Aureliano, explicou ao secretário estadual o objetivo do plano municipal “Juntos pela Segurança”.

A atual gestão, que está à frente do executivo municipal há um mês, assumiu o papel que cabe ao município, não fugindo ao debate nem a adoção de medidas sob sua responsabilidade. Por isso, demos início a elaboração de um plano municipal, o “Juntos pela Segurança” que é um plano de participação popular que consolidará uma política pública voltada para a definição do papel do município na contribuição da tarefa da preservação da ordem pública, além de procurar desenvolver a responsabilidade cidadã da comunidade, bem como assumir compromissos com os órgãos responsáveis constitucionalmente pela segurança pública”, detalhou a prefeita.

Abaixo as propostas defendidas por Raquel:

1. Direcionamento da atuação do 4º Batalhão de Polícia Militar com exclusividade para o município de Caruaru, considerando ser um importante polo econômico regional, cuja população chega a 350 mil habitantes e que figura como o terceiro município com o maior número de crimes contra a vida do Estado. Atualmente, o batalhão tem a responsabilidade sobre o policiamento de mais 14 municípios da Região do Agreste.

2. Implantação do 1º Batalhão Integrado Especializado Policial Militar, com sede em Caruaru para atuação nas áreas de Radiopatrulhamento, Motopatrulhamento, Trânsito, Grupamento com Cães e Policiamento de Choque,

3. Criação de uma segunda Delegacia de Plantão, considerando que há apenas uma delegacia para uma demanda que representa aproximadamente 40% dos procedimentos da capital, que possui quatro equipes destinadas ao plantão.

4. Extensão das atividades da Delegacia da Mulher para 24 horas diárias e nos finais de semana.

5. Criação de uma delegacia especializada em crimes de menor potencial ofensivo.
6. Aumento do número de peritos criminais do Instituto de Criminalística, além do incremento de uma equipe de papiloscopistas.

7. Desenvolvimento de ações de cidadania na zona rural do município, através da atuação da Gerência de Prevenção e Articulação Comunitária – GPAC/SDS.

8. Incremento do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência – PROERD, nas escolas do ensino fundamental do município, através da atuação da Diretoria de Assistência Social e Direitos Humanos da PMPE.
 
Fonte: Agência PE4 



Ler Mais

Caruaru vai receber evento sobre internet e comunicação

 
A cidade de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, vai receber no mês de abril, o Digi e Tal, o evento que vai discutir as tendências e novidades do mundo digital com foco em produtores de conteúdo, jornalistas, publicitários, estudantes e demais interessados no assunto. É direcionado para quem curte, produz ou consome conteúdo de internet.

Entre os convidados confirmados, estão os criadores das páginas Ibismania, Um nordestino Disse e Hipster Recifense, ambas com grande repercussão no Facebook. Outros nomes serão divulgados em breve.

Os convidados contarão sobre sua experiência na área digital e estarão presentes nas mesas debatedoras.

O Digi e Tal será realizado no Teatro Difusora e é organizado pelos publicitários e influenciadores digitais Hevelly Cavancante e Antônio Vasconcelos.
 
Serviço

O lote promocional dos ingressos já está à venda no link a seguir: http://bit.ly/2kqoYY7. Mais informações pelo site do evento ou via WhatsApp: (81) 9 9274-2461.
 
Fonte: Agência PE4
Ler Mais

Fulô de Mandacaru puxará trio no Galo da Madrugada


A banda caruaruense Fulô de Mandacaru, vencedora do Superstar, estarão pela primeira vez levando o balanço da sanfona para o maior bloco de carnaval do mundo, o Galo da Madrugada, no dia 25 de fevereiro.

O grupo liderado por Armandinho, Tiago e Pingo prometem fazer muita animação na apoteose do Galo com o projeto Mandacaru Elétrico tocando um repertório voltado inteiramente para a folia com frevo, maracatu e outros ritmos da cultura pernambucana.

Outra atração confirmada e que estará retornando ao desfile do bloco no sábado de Zé Pereira é a cantora Joelma, que em outros carnavais arrastou multidões na mistura do frevo com o ritmo do calypso.

Neste ano, a cantora que segue em carreira solo comandará o trio elétrico sozinha e na certeza de levar milhares de foliões as ruas do Recife, comemorando os 40 anos do Galo da Madrugada.

Fonte: Agência PE4
Ler Mais

Verbas para a Transnordestina são bloqueadas pelo TCU



A construção da Ferrovia Transnordestina, uma das obras de infraestrutura mais atrasadas do Brasil, acaba de ter sua execução financeira paralisada pelo Tribunal de Contas da União (TCU).

A decisão tomada pelo plenário da corte de contas nesta quarta-feira, 25, determina que a estatal Valec, que é sócia da concessionária Transnordestina Logística S.A (TLSA), paralise qualquer repasse de recursos para a obra.

A decisão também trava a transferência de dinheiro a partir do BNDES e da BNDESPar, empresa de participações do banco público. Foram impedidos ainda de fazer novos pagamentos o Fundo de Investimento do Nordeste (Finor), o Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), o Fundo de Desenvolvimento do Nordeste (FDNE).

Segundo o TCU, a obra de 1.753 quilômetros de comprimento prevista para interligar os portos de Pecém (CE) e Suape (PE) e município de Eliseu Martins (PI) está repleta de irregularidades e, apesar de não haver informações confiáveis sobre o projeto e o orçamento da obra, “existe risco elevado de realização de novos aportes de recursos públicos no empreendimento por parte do FDNE, do Finor e da Valec”, afirma o TCU.

Segundo a unidade técnica do tribunal, um novo desembolso de aproximadamente R$ 152 milhões do Finor já teria sido autorizado pelo Ministério da Integração Nacional, em novembro de 2016. “O problema na liberação desses recursos decorre do fato de que há sério descompasso entre os investimentos e o cronograma físico-contábil, sendo que o próprio Ministério da Integração Nacional afirmara que novos aportes do Finor dependeriam de novo acompanhamento físico contábil, haja vista que os investimentos até então realizados estavam em desacordo com as memórias e análises anteriormente aprovadas”, declarou o ministro relator Walton Alencar Rodrigues.

Segundo o tribunal, a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) relatou haver “enorme dificuldade encontrada na obtenção das informações do projeto em execução e do custo real do empreendimento, o que bem evidencia a ausência de aprovação do projeto executivo atualizado e do orçamento” total da ferrovia, que hoje é estimado em R$ 11,2 bilhões.

As irregularidades incluem desde situações de precariedade, informalidade e imprecisão dos projetos da obra, até imprecisão do orçamento, descompasso entre a execução física e a financeira, indicativos da baixa qualidade dos serviços executados, desfiguração da equação econômico-financeira aprovada no contrato original de concessão e prorrogação indevida da vigência da concessão.

Ao fiscalizar a obra, auditores do TCU confirmaram a paralisação quase completa do empreendimento. Dos 5.390 funcionários que estavam nos canteiros de obra em junho de 2015, restavam apenas 1.122, em junho de 2016, número que caiu para 829 em outubro do ano passado. Até o fim de 2016, a ANTT não possuía o orçamento detalhado da obra, baseado em projeto executivo, nem mesmo dos trechos que já foram concluídos.

A paralisação de repasses será mantida até que a TLSA apresente à ANTT todos os elementos de projetos, incluindo os estudos técnicos solicitados pela agência, bem como até que a ANTT valide as alterações do projeto e a definição de seu orçamento.

Fonte: Estadão Conteúdo
Ler Mais

Correios lança Selo em homenagem à Chapecoense


Está disponível, nas agências dos Correios de todo o Brasil, selo postal personalizado em homenagem à Associação Chapecoense de Futebol. A peça filatélica, que traz o escudo do time catarinense com a inscrição “Campeão da Copa Sul-Americana”, também pode ser adquirida pela loja virtual Correios Online.

O selo foi lançado no dia 7 de dezembro, durante evento promovido pelo Coritiba Foot Ball Club em homenagem à Chapecoense, no estádio Couto Pereira, em Curitiba. O local seria a sede da partida final do torneio sul-americano, a ser disputada contra o Atlético Nacional de Medellín.

Amistoso beneficente 

Nesta quarta-feira (25), ocorre amistoso beneficente entre Brasil e Colômbia, no estádio Nilton Santos (Engenhão), Rio de Janeiro. A renda líquida da partida será revertida integralmente para familiares das vítimas do trágico voo da Chapecoense. O time catarinense sofreu acidente aéreo na Colômbia, em 29 de novembro, o que provocou a morte de jogadores, dirigentes, equipe técnica, tripulantes e jornalistas.

Fonte: Correios
Ler Mais

Feijoada beneficente da Campanha 'Todos por Roginho' acontece domingo em Caruaru

 
 
Uma feijoada beneficente será realizada no domingo (22), às 11h, em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. A renda do evento será doada para a campanha #TodosporRoginho, que está arrecadando dinheiro para para ajudar na cirurgia de Roger Fabio Nunes Farias Filho, o Roginho, de seis anos.

O menino tem um tumor no cérebro que foi descoberto aos dois meses de vida. A cirurgia está marcada para este mês de janeiro, em São Paulo, e custa R$ 100 mil. Para arrecadar o dinheiro, família e amigos estão promovendo ações que podem ser acompanhadas através da página criada em uma rede social.

A feijoada será realizada na casa de festas Baco's Recepções. Os ingressos vão de R$ 15 a R$ 50 e estão sendo vendidos na Bodega João Doutor, no Shopping Difusora. Além Feijoada, o evento conta com apresentações de vinte artistas confirmados até o momento, entre eles estão Herlon Cavalcante, Rosimar Lemos, Gabi da Pele Preta, Valdir Santos, Cezinha, Lucas Costa, Tony Maciel e a banda Caru Forró.

Serviço

Feijoada Beneficente #TodosporRoginho
Local: Baco's Recepções.
Endereço: Estacionamento do Polo Comercial - Rodovia BR 104, km 62, bairro Nova Caruaru.
Horário: 11h.
Acesso: R$ 15 (ingresso infantil), R$ 30 (ingresso adulto) e R$ 50 (ingresso adulto + camisa).
Ler Mais

Morre o ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no STF





O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavascki morreu nesta quinta-feira (19), aos 68 anos, em um acidente aéreo. Ele já era viúvo e deixa três filhos. Membro do STF desde 2012, Teori foi o ministro responsável pelas investigações da Operação Lava Jato na Corte, tratando dos processos dos investigados com foro privilegiado. A morte de Teori foi confirmada pelo filho do magistrado Francisco Zavascki, em uma rede social.

Teori foi nomeado para o Supremo pela então presidenta Dilma Rousseff para ocupar a vaga de Cezar Peluso, que se aposentou após atingir a idade limite para o cargo, de 70 anos. Ontem, ele tinha interrompido o recesso para determinar as primeiras diligências nas petições que tratam da homologação dos acordos de delação de executivos da empreiteira Odebrecht na Operação Lava Jato.

Teori Zavascki nasceu em 1948 na cidade de Faxinal dos Guedes (SC), e é descendente de poloneses e italianos. Aprovado em concurso de juiz federal para o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) em 1979, ele foi nomeado, mas não tomou posse. Advogado do Banco Central de 1976 até 1989, chegou à magistratura quando foi indicado para a vaga destinada à advocacia no TRF4, onde trabalhou entre 2001 e 2003. De 2003 a 2012, Zavascki foi ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Respeitado nas áreas administrativa e tributária, Zavascki também era considerado minucioso em questões processuais. “Espero que todos os bons momentos apaguem minha fama de apontador ou cobrador das pequenas coisas”, brincou, ao se despedir da Primeira Turma do STJ, antes de ir para o STF. O ministro declarou em diversas ocasiões ser favorável ao ativismo do Judiciário quando o Legislativo deixa lacunas.

Atuação na Lava Jato

Ao longo de sua atuação como relator da Lava jato no STF, Zavascki classificou como "lamentável" os vazamentos de termos das delações de executivos da Odebrecht antes do envio ao Supremo pela Procuradoria Geral da República (PGR).

Entre suas decisões relativas à operação estão a determinação do arquivamento de um inquérito contra o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) , a transferência da investigação contra o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) para Sérgio Moro e a anulação da gravação de uma conversa telefônica entre Lula e a ex-presidenta Dilma Rousseff.  Além disso, Teori negou um pedido do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que investigações contra ele, que estão nas mãos do juiz Sérgio Moro, fossem suspensas e remetidas ao Supremo.

Sobre as críticas recorrentes de demora da Corte em analisar processos penais, Teori disse que "seu trabalho estava em dia". No fim do ano passado, Zavascki disse que trabalharia durante o recesso da Corte para analisar os 77 depoimentos de delação premiada de executivos da empreiteira Odebrecht que chegaram em dezembro ao tribunal.

Durante seu trabalho na Lava Jato, chegou a criticar a imprensa. Ele disse que decisões sem o glamour da Lava Jato, operação na qual ele foi relator dos processos na Corte, muitas vezes mereceram pouca atenção da mídia. Ele também relativizou os benefícios do foro privilegiado, norma pela qual políticos e agentes públicos só podem ser julgados por determina Corte.

"A vantagem de ser julgado pelo Supremo é relativa. Ser julgado pelo Supremo significa ser julgado por instância única", afirmou o ministro, acrescentando que processos em primeira instância permitem recursos à segunda instância e ao STJ, além do próprio Supremo. "Não acho que essa prerrogativa tenha todos esses benefícios ou malefícios que dizem ter", comentou Zavascki.

Certa vez, ao participar de uma palestra na Associação dos Advogados de São Paulo (AASP) ele disse que achava “lamentável” que as pessoas que obedecem as leis são, algumas vezes, taxadas pejorativamente no Brasil. "Em muitos casos, as pessoas têm vergonha em aplicar a lei. Acho isso uma coisa um pouco lamentável, para não dizer muito lamentável", afirmou o ministro.

O acidente

Um avião caiu na tarde de quinta-feira (19) no mar de Paraty, na Costa Verde do Rio de Janeiro. Segundo o Corpo de Bombeiros, o acidente foi próximo à Ilha Rasa. O avião saiu de São Paulo (SP) e caiu a 2 km de distância da cabeceira da pista. De acordo com a Força Aérea Brasileira (FAB), outras três pessoas estavam a bordo. Na hora do acidente, chovia forte em Paraty e a região estava em estágio de atenção.

Fonte: Agência Brasil

Ler Mais

Parceria entre Destra e Detran visa melhorar trânsito em Caruaru


O diretor presidente do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco – DETRAN-PE, Charles Ribeiro, acompanhado do coordenador de Articulação Municipal, Lazaro Medeiros, recebeu em seu gabinete nesta segunda-feira, 16, o ex-comandante da Polícia Militar de Pernambuco (PMPE), coronel Luís Aureliano, que assumiu a Secretaria de Ordem Pública de Caruaru, após convite da prefeita Raquel Lyra.

Na ocasião, ele apresentou o novo diretor-presidente da Autarquia Municipal de Defesa Social, Trânsito e Transportes (Destra), o também coronel da PMPE, Hermes Melo. Ribeiro aproveitou o encontro para apresentar as ações de prevenção de acidentes desenvolvida pelo Órgão, destacando as campanhas educativas que são realizadas durante o ano.

“Além das nossas ações educativas que foi determinada pelo Governador Paulo Câmara e tem tido resultados positivos, também temos as Operações Trânsito Seguro e Rota de Fuga, que trabalham tanto para garantir a fluidez do tráfego, quanto para abordar motoristas infratores, em especial os alcoolizados. Estamos à disposição para continuar com essa parceira naquele município, sempre em busca de garantir um trânsito mais seguro e colaborativo para os pernambucanos”, enfatizou Charles.

Fonte: Blog do Mário Flávio


Ler Mais

Pernambuco quer apoio para concluir presídio na Zona da Mata

 
 
Pernambuco também quer apoio da União para concluir as obras do Centro Integrado de Ressocialização de Itaquitinga (CIR-Itaquitinga), que deveria estar operando desde 2012 na Zona da Mata Norte do Estado. A intenção é usar os recursos federais liberados para a construção de um novo presídio para colocar o complexo para funcionar. A proposta será apresentada ao ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, pelo secretário de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico, nesta terça-feira (17).

“A proposta do Governo Federal é aumentar o número de vagas. Então, vou levar esta sugestão ao ministro”, revelou Pedro Eurico. Ele explicou que, no fim de 2016, Pernambuco recebeu R$ 32 milhões do Fundo Penitenciário Nacional para construir um novo presídio. O Estado, no entanto, acredita ser mais recomendado usar esse recurso em Itaquitinga, já que essa obra seria concluída com mais rapidez. “Itaquitinga já está 60% edificada. Então, ainda neste ano teríamos mais duas mil vagas no sistema penitenciário do Estado”, diz Eurico, contando que a finalização do complexo deve durar seis meses.

O secretário calcula que a obra deve custar R$ 20 milhões. Por isso, ainda promete construir uma penitenciária menor, de 500 vagas, com o repasse federal. “Ao invés de uma nova unidade, poderíamos ter três com esses R$ 32 milhões”, defende, lembrando que o CIR-Itaquitinga é dividido em dois pavilhões de mil vagas cada, o URSA-1 e o URSA-2.

O complexo começou a ser construído através de uma PPP, mas teve as obras suspensas em 2012. No ano passado, o Estado decretou a caducidade do contrato prometendo retomar as obras. Porém, a construção só foi retomada recentemente no URSA-1, cuja readequação está orçada em R$ 13,7 milhões e deve ser entregue em agosto. A obra do URSA-2 ainda precisa ser licitada e esse edital só deve ser lançado após o Estado pleitear apoio federal para o complexo. “Já iríamos aplicar recursos com muita dificuldade no URSA-1”, justificou Eurico.

Fonte: Folha PE
 
 
Ler Mais

Teste de vacina contra câncer de mama tem resultado positivo


Uma vacina que tem como objetivo ajudar o sistema imunológico a reconhecer e a combater um dos genes associados à progressão e ao mau desenvolvimento do câncer de mama resultou positiva, segura e eficaz.

Pesquisadores do hospital Moffitt Cancer Center, nos Estados Unidos, estão desenvolvendo uma vacina que estimula o sistema imunológico a atacar a proteína HER2, gene que se expressa entre 25% e 30% dos cânceres de mama, nas células afetadas pelo câncer. Segundo a revista científica "Clinical Cancer Research, no qual o estudo foi publicado, em 13 das 54 mulheres que realizaram o teste com a droga, ela conseguiu com que a doença regressasse antes do seu estágio inicial, um grande passo para a imunoterapia.

Nas 13 pacientes, a vacina teve uma resposta completa, ou seja, o câncer não foi mais identificado em amostras retiradas por procedimentos cirúrgicos. A maior eficácia foi em mulheres com carcinoma ductal, um dos tipos mais comuns de câncer.

Além disso, cerca de 80% das pacientes avaliadas teve uma resposta imunológica positiva e a vacina foi considerada bem tolerada e com toxicidade baixa. Entre os efeitos colaterais mais comuns estão cansaço, reações locais à injeção e calafrios.

Para preparar a vacina, foram separadas as células imunológicas dendríticas do sangue de cada uma das mulheres, todas em estágios iniciais da doença, que foram expostas a fragmentos da proteína HER2 com o objetivo de criar uma vacina personalizada. A vacina foi injetada nas pacientes uma vez por semana durante seis semanas em um gânglio linfático, no tumor ou nos dois lugares. 

Fonte: Agência PE4 com informações da Agência ANSA

Ler Mais

Presídios de Pernambuco poderão ter intervenção federal

 
A procuradoria Geral da República (PGR) informou ter aberto quatro processos para investigar a situação dos sistemas penitenciários dos estados de Amazonas, Pernambuco, Rio Grande do Sul e Rondônia. Segundo o órgão, dependendo da avaliação que for feita, poderá até pedir ao Supremo Tribunal Federal (STF) uma intervenção federal nos estados para restabelecer a ordem nos presídios.

A intervenção afasta a autonomia dos estados para gerir um problema de maior gravidade. Assim, é nomeada uma autoridade que pode tomar medidas independentemente do governador. Um eventual pedido do tipo pela PGR seria encaminhado para análise do presidente do STF, no caso, a ministra Cármen Lúcia. Caberia a ela pedir a opinião dos órgãos afetados e levar o caso ao plenário da Corte para decisão dos 11 ministros.

Se aprovada, a intervenção federal é decretada pelo presidente da República, que delimitará o prazo e as condições de seu exercício; o decreto precisará depois ser aprovado em 24 horas pelo Congresso.

Na nota divulgada, a PGR também informou que, após concluir a investigação sobre a situação dos presídios, poderá pedir o incidente de deslocamento de competência (IDC),medida mais branda, conhecida "federalização" e requisitada ao Superior Tribunal de Justiça (STJ).

A Procuradoria Geral diz que os problemas nos sistemas carcerários de Amazonas, Pernambuco, Rondônia e Rio Grande do Sul caracterizam descumprimento da Constituição, das leis do país e também de acordos internacionais assinados pelo Brasil.

Fonte: Agência PE4
Ler Mais

CNH ganha novo visual e mais itens de segurança


A partir deste mês de janeiro, uma nova Carteira Nacional de Habilitação (CNH) será entregue aos condutores com visual diferente e mais requisitos de segurança. As mudanças serão válidas para os novos documentos, por isso os condutores não precisam fazer a troca. As carteiras atuais serão reconhecidas até a validade ou até que o condutor solicite alguma alteração de dado.

Uma resolução do Conselho Nacional de Trânsito, de maio de 2016, deu prazo até 31 de dezembro para que os departamentos nacionais de Trânsito dos estados e do Distrito Federal se adequassem aos novos procedimentos. Mas a mudança causa impacto apenas no visual da CNH, os procedimentos para obter a habilitação permanecem os mesmos.

Produzida por empresas credenciadas, em modelo único, a CNH terá papel com marca d'água, tintas de variação ótica e fluorescente e imagens secretas. Os itens de controle de segurança incluem ainda mais elementos em relevo e em microimpressão. O fundo do documento ficará mais amarelado.

A tarja azulada, que fica no topo do documento, passará a ser preta e trará o mapa do estado responsável pela emissão do lado direito. No lado esquerdo, sob o Brasão da República, aparecerá a imagem do mapa do Brasil.

A nova CNH terá ainda duas sequências de números de identificação nacional – do Registro Nacional e do Espelho da CNH - e uma de identificação estadual – do Registro Nacional de Condutores Habilitados (Renach).

Fonte: Agência Brasil

Ler Mais

PE teve o maior número de mortes por chikungunya em 2016

 
O ano de 2016, foi o ano que o estado de Pernambuco sofreu bastante com as Arbovirose e dados do Ministério da Saúde mostram que foram notificados 263.598 casos de chikungunya no Brasil, até o dia 10 de dezembro. Houve 159 mortes por causa da doença, sendo 54 só em Pernambuco.

Pernambuco é o estado que registra o maior número de óbitos causados pelo vírus, seguido pela Paraíba (32), Rio Grande do Norte (25), Ceará (21), Rio de Janeiro (9), Alagoas (6), Bahia (4), Maranhão (5), Piauí (1), Sergipe (1) e Distrito Federal (1).

Os pacientes sofrem com o diagnóstico difícil e o longo tratamento da doença. Os hospitais recebem gente com sintomas todos os dias. Os principais são: febre alta e persistente, dor e inchaço nas articulações (mãos, punhos, joelho, pés e tornozelos) e manchas na pele (a partir do terceiro dia).

Fonte: Agência PE4
Ler Mais

Após 1 ano, repelentes prometidos a grávidas do Bolsa Família ainda não foram entregues


Um ano após o anúncio feito pelo governo federal, os repelentes prometidos a grávidas beneficiárias do Programa Bolsa Família ainda não começaram a ser entregues. O pregão para a compra dos produtos foi feito em dezembro do ano passado e o processo de licitação está em andamento.

A expectativa do Ministério da Saúde é de que, uma vez concluída a etapa, os repelentes passem a ser entregues cerca de 15 dias depois. Ainda segundo o Ministério da Saúde, a burocracia comprometeu a agilidade do processo, já que houve dificuldade em encontrar empresas com capacidade de fornecer o produto em grandes quantidades.

 Diante dos entraves, a nova previsão do governo federal é que os repelentes comecem a ser distribuídos no fim deste mês – cerca de um mês após o início do verão, período em que as chuvas intensas contribuem para a proliferação do mosquito Aedes aegypti. O vetor transmite os vírus da dengue, febre chikungunya e Zika.

O anúncio

Em janeiro de 2016, o governo federal anunciou que distribuiria gratuitamente repelentes a grávidas que participam do Programa Bolsa Família. A ação buscava intensificar o combate ao mosquito, responsável pelo aumento dos casos de microcefalia no país.

O ministro da Saúde à época, Marcelo Castro, informou que iria se reunir com fabricantes de repelentes para estudar a viabilidade de fornecer a quantidade necessária. Segundo ele, o governo trabalha com o número médio de 400 mil gestantes aptas a receber o produto em todo o país.

O decreto

Em abril do ano passado, a então presidente Dilma Rousseff assinou decreto que instituía o programa de prevenção e proteção individual de gestantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica contra o Aedes aegypti.

De acordo com a publicação, se caracterizam como em situação de vulnerabilidade socioeconômica as gestantes que integram famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família.

A definição de quais os insumos que seriam adquiridos e distribuídos ficaria a cargo do Ministério da Saúde que, conforme o decreto, atuaria de forma conjunta com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome para a implementação do programa.

Fonte: Agência Brasil





 
Ler Mais

Raquel Lyra toma posse e diz que. quer uma Caruaru mais responsável

 
O dia 1º de Janeiro foi marcado por grandes solenidades em Caruaru no Agreste de Pernambuco. Após oito anos de gestão, o prefeito José Queiroz (PDT) repassou o comando da prefeitura de Caruaru para a prefeita Raquel Lyra (PSDB). Durante a transmissão de cargo José Queiroz não discursou e houve apenas a pose para foto oficial dos dois governos.

Após a passagem de governo, a prefeita Raquel Lyra discursou para uma multidão, que aguardava ela em frente ao Palácio Jayme Nejaim. As falas dela foram parecidas com o discurso proferido na Câmara de Veradores de Caruaru.

Na Casa Legislativa, a prefeita disse que irá construir um futuro melhor para a população do município.

“Podemos mudar o mundo através da nossa mudança. Ela começa em nossa casa. É hora de arregaçar as mangas e trabalhar. Juntos, vamos construir uma nova Caruaru. Queremos uma Caruaru mais livre e mais responsável. Vamos unir o centro, a periferia e a zona rural”, afirmou.

Quando terminou a fala da prefeita houve a queima de fogos. Nesta segunda-feira (02) a prefeita realiza a posse dos secretários e anuncia os nomes dos presidentes do Caruaruprev e Destra.

Fonte:  Agência PE4
Ler Mais

Novo Salário Mínimo já está valendo



O valor do salário mínimo passou de R$ 880,00 para R$937,00 e começa a valer a partir do dia 1º de janeiro de 2017. De acordo com o Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, o reajuste significa um aumento de R$ 38, 6 bilhões da massa salarial em 2017.

Esse valor representa 0,62% do Produto Interno Bruto, o PIB, e segundo o governo, vai ter efeitos positivos na retomada do consumo e do crescimento econômico ao longo do ano.

Diferentemente do que pensa o membro do Conselho Regional de Economia, Newton Marques, que acredita que este valor é inapropriado para este momento de recessão.

“Quando a economia está crescendo e você repassa este reajuste ela é absorvida, mas quando tem um reajuste real para uma economia em recessão ou em desaceleração existe uma dificuldade muito grande por parte do empresariado para repassar isto para o preço final. E isso causa o quê? Causa desemprego, subemprego, cria distorções dentro da economia.”

Antes de anunciar o novo valor do salário mínimo, o Congresso Nacional havia aprovado o Orçamento Geral da União para 2017 estabelecendo o salário mínimo para R$945,80. Mas, agora, no anúncio oficial, Michel Temer estipulou um valor menor.

A justificativa, de acordo com o governo, está no Índice Nacional de Preços ao Consumidor, pois a estimativa para a inflação pelo INPC em 2016, usada no cálculo do reajuste, ficou em 6,74%, ou seja, menor do que a previsão de 7,5% estimada em outubro.

Fonte: Agência PE4



Ler Mais

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade
 
AQUI CARUARU.COM - O Seu Portal de Notícias em Caruaru | by TNB ©2010